Blog criado com o objectivo de aprofundar o estudo desta obra e descobrir as "grandes pérolas escondidas".

.posts recentes

. O que são ostras? - texto...

. Biografia de John Steinbe...

.arquivos

. Abril 2008

Sexta-feira, 4 de Abril de 2008

O que são ostras? - texto informativo

Ostras são bivalves, o que significa que as suas conchas são formadas por duas partes, as valvas. As valvas das conchas são mantidas juntas por um ligamento elástico. Este ligamento é posicionado onde as valvas se juntam, e usualmente mantém-nas abertas para que as ostras se possam alimentar.

 

As ostras não são os únicos moluscos que podem produzir pérolas: os mexilhões e as ameijoas (espécies de marisco) também produzem pérolas, mas esta é uma ocorrência muito mais rara. A maioria das pérolas é produzida pelas ostras, tanto em ambientes de água doce como de água salgada.

 

Como se formam as pérolas dentro das ostras?

 

Uma pérola é uma substância estranha coberta com camadas de madrepérola. A maioria das pérolas que vemos nas joalharias são objectos bem redondos e são as mais valiosas. Nem todas as pérolas se saem assim tão bem. Algumas pérolas possuem um formato irregular - estas são as chamadas pérolas barrocas. As pérolas possuem grande variedade de cores, incluindo branca, preta, cinza, vermelha, azul e verde. A maioria das pérolas podem ser encontradas por todo o mundo, mas as pérolas pretas são nativas do Sul do Pacífico.

 

As pérolas naturais são fomadas por um mecanismo de defesa da ostra contra um organismo estranho que entra dentro dela, que tanto pode ser um grão de areia, uma larva ou um parasita. Para se proteger desse intruso, ela passa a segregar uma substância particular, produzindo camadas de nácar, envolvendo por completo o ser estranho, gerando a pérola.

 

As pérolas cultivadas são criadas pelo mesmo processo que as pérolas naturais, mas claro, com a ajuda de criadores. Para criar uma pérola cultivada, o criador abre a concha da ostra e faz uma pequena fenda no tecido do manto. Pequenas irritações são então inseridas por baixo do manto. Em pérolas cultivadas em água doce, cortar o manto da ostra é o  suficiente para induzir a secreção de madrepérola que produz uma pérola sem que para isso um corpo estranho tenha que ser inserido.

Apesar de as pérolas cultivadas e naturais serem consideradas de igual qualidade, as pérolas cultivadas têm geralmente um valor menor, já que não são tão raras.

 

 

Catarina Nobre

 

 

publicado por Margarida às 23:56
link do post | comentar | favorito
|

Biografia de John Steinbeck

Nascido a 27 de Fevereiro de 1902, em salinas, Califórnia, John Ernest Steinbeck tornou-se um importante escritor dos anos 90.

Filho de um funcionário irlandês e de uma professora alemã, foi educado no seio de uma família de classe média.

Estudou Biologia Marinha na Universidade Standford, não chegando a acabar o curso.

Em 1935 editou a sua primeira obra – Tortilla Flat. Passados cinco anos, em 1940, tornou-se membro do Instituto Nacional de Artes e Letras e, no mesmo ano, foi honrado com o prémio Pulitzer e também com o Prémio dos Livreiros Americanos.

Com a obra As vinhas da Ira, em 1962, alcançou o Prémio Pulitzer e em 1962 recebeu o Prémio Nobel da Literatura e mais tarde, em 1964 recebeu a Medalha Presidencial da Liberdade.

Deixando muita saudade, não só como pessoa, mas também da sua obra, aos 66 anos, John Ernest Steinbeck morre, a 20 de Dezembro em Nova Iorque.

 

 

 

Diana Marques

publicado por Margarida às 23:41
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
blogs SAPO

.subscrever feeds